Tem que ser como uma flor...

00:16 Ana Caroline Carvalho do Nascimento 0 Comentarios




           Como uma flor delicada que necessita de cuidados a cada amanhecer, ser regada, preenchida de luz e empregada de sentimentos... daquelas que conforme seu cultivador se dedica com sabedoria, a mesma se torna cada vez mais linda, diferenciada das demais, admirável e exalante.
E se assim não for, o que será da beleza de uma flor? Quem há de percebê-la ou usá-la para ser o centro das atenções do canto da casa, do trabalho ou dos ambientes mais visitados? Quem há de querer presenteá-la à alguém que tanto ama? E os passarinhos, formigas e abelhas, a manterão como centro, casa ou depósito? Não, não e não...

         Se olharmos nossos relacionamentos amorosos ou familiares como uma determinada flor que admiramos, a qual obtemos certa apreciação, veremos que esta para chegar aos nossos olhos precisou de certas medidas especiais, e assim pode ser uma vida a dois, que antes de despertar o sentimento do amor é coberto de beleza por nossos olhos mas que para se manter assim vai exigir devidos cuidados. Estes que se resumem na dedicação diária, de paciência, conversas, ajuda, compreensão e sobretudo regado de amor. Desta forma o crescimento será inevitável, atingir novos parâmetros que superam a terra e alcançam a brisa e os raios de sol será constante... como conquistar novos espaços e obter ADMIRAÇÃO, principalmente de Deus, que será sem dúvidas o maior dos cultivadores mediante nossas atitudes diferenciadas.

        E assim podemos ver os amores envolventes no mundo, podem ser comparados à quaisquer circunstâncias e variedades, mas pra mim pode ser bem definidos numa SIMPLES FLOR, pela qual insisto em ver a minha ser melhor do que ela pode ser, além de almejar que a mesma se transforme a cada dia, me dignando de todas as melhores surpresas que um bom jardineiro pode ser submetido.

Por: Ana Caroline Carvalho



0 comentários:

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga